Buscar
  • Ana Thomaz

Alinhavando a Ancestralidade Feminina

O corpo e a linha serão nossa expressão nessa sensível conexão com a linhagem feminina.

Um convite para mulheres e homens alinhavarem através da arte esse emaranhado de emoções primordiais da criação.

Vamos adentrar, com graça, leveza e arte na contenção do yin, feminino, receptivo, criador, através da expressão corporal, bordando nossas conexões com o feminino no mundo.

Vamos iluminar nossas luas e criar nossa arte nos pontos, nas cores e movimentos.

Homens são mais que bem vindos e necessários para equilibrarmos esse movimento da equanimidade nas relações de um novo modo de interação que estamos todos querendo.


Acontecerá no M.u.d.a. nos dias 18 e 19 de maio de 2019.

Conduzidos por Ana Thomaz e Flavia Lhacer, vamos dançar e bordar nesses dois dias de abetura para luz de nossas luas.


Não é necessário nenhum talento especial e nem experiência anterior com bordado ou dança. É preciso presença e vontade de desatar esses nós e liberar as linhas para novos motivos.


No sábado, dia 18, a noite teremos uma apresentação de dança que está sendo criada especialmente para esse dia.

Espetáculo "Despues de vivir un siglo", com Ana Thomaz, Franciska Marcoff e Catarina Marcoff.


Local: M.u.d.a. Piracaia

Dias: 18 e 19 de maio (disponível para chegada no dia 17 de maio)

Custo 500 reais incluindo todas as vivências, materiais, alimentação e hospedagem em quarto compartilhado.


Para inscrição e maiores informações escreva para anavidaativa@gmail.com


Um convite para mulheres e homens viverem uma aventura artística psicomagica!



0 visualização

Receba atualizações dos acontecimentos, vivências e experimentações do M.u.d.a.