Buscar
  • Ana Thomaz

O Prazer da Compaixão!

Coração pulsando, conectando as sinapses do cérebro às vibrações do útero!


Uma mulher engravida em seu útero orgástico e ao dar à luz concede um lugar no aqui e agora à consciência infinita.


O Bebê nasce e recebe as bençãos:


Ao Intelecto - o vazio criador

Ao Coração - a plenitude do amor

Ao Sexo - a criação

Ao Corpo - a fisiologia do prazer

À Consciência - sua potência

Ao Ser - A criação em Rede


O prazer é o princípio, o meio e o fim, e a dor é um sinal, uma passagem, para nos levar a um prazer potencializado.


Na complexidade da vida humana, não podemos ficar estagnados ao prazer sem mudanças ou movimentos, é preciso atualizar, ampliar, aprofundar, simplificar e chegar ao maior prazer humano, a Compaixão.


O prazer é o princípio e não recompensa, inicia-se pelo prazer para criar a vida em seu presente constante.


É tempo de nos reconectarmos com a natureza humana, esse ser de prazer e compaixão.


O ser que tem consciência da vida em rede, da dependência relacional, está pronto para viver em liberdade.


Que possamos viver esse amadurecimento através da dor que vem nos atravessando nesse momento de mudanças tão profundas e necessárias. E integrar Prazer e Dor, para viver o êxtase de nos tornar um outro ser humano mais conectado a própria natureza.


Durante o mês de agosto tivemos 4 encontros de 15 minutos de Pulsões da Sexualidade, para assistir acesse o canal do youtube do M.u.d.a.


Dia 8 de setembro, próxima terça, iniciaremos a Jornada dos Princípios com encontros virtuais as terças e quintas das 9h as 10h30.

Para mais informações e inscrições acesse o formulário.






292 visualizações

Receba atualizações dos acontecimentos, vivências e experimentações do M.u.d.a.